Clínica Veterinária 145

R$40,00

OFTALMOLOGIA • Hamster-chinês (Cricetulus griseus) submetido a enucleação – relato de caso
NEFROLOGIA • Doença renal crônica em cães e gatos – estudo retrospectivo e revisão da literatura

ASSINANTE DO ACERVO DIGITAL?
CLIQUE E ACESSE

Descrição


 

Artigos científicos presentes na Clínica Veterinária n. 145, março/abril-2020, ano XXV:

 
OFTALMOLOGIA
Hamster-chinês (Cricetulus griseus) submetido a enucleação – relato de caso
Autores
Héllen Maria L. Nishimura; Ademir Zacarias Junior, Gabriela Letícia F. Moura, Jéssica Ragazzi Calesso

Resumo
Apesar de incomuns, as enfermidades oculares em roedores têm grande importância clínica, já que podem provocar dor e alterar o bem-estar desse tipo de paciente. A proptose de globo ocular pode ocorrer pela característica anatômica dos roedores, cuja esclera é fina, ou ainda devido a manejo de contenção inadequado. O objetivo deste trabalho é relatar a conduta terapêutica aplicada a um hamsterchinês (Cricetulus griseus) macho, filhote, que apresentava protrusão de globo ocular esquerdo de etiologia desconhecida. O paciente foi submetido ao procedimento cirúrgico de enucleação transconjuntival, em que os cuidados perioperatórios e os procedimentos anestésicos adequados foram essenciais, ressaltando a importância do conhecimento sobre uma espécie ainda incomum na rotina clínica.
Unitermos
 animais silvestres, roedores, oftalmologia


NEFROLOGIA
Doença renal crônica em cães e gatos – estudo retrospectivo e revisão da literatura
Autores
Bruna Scardoel ; Simone G. R. Gomes, Cinthia Ribas Martorelli, Rafael Garabet Agopian

Resumo
•  A doença renal crônica (DRC) é definida como o comprometimento estrutural e/ou funcional de um ou ambos os rins por mais de três meses que resulta na perda irreversível das funções renais. A International Renal Interest Society (Iris) classificou a DRC em quatro estágios, de acordo com a concentração sérica de creatinina e de dimetilarginina simétrica (SDMA), além do subestagiamento realizado a partir dos valores da relação proteína/creatinina urinária (RPC) e da pressão arterial sistêmica (PAS). Neste estudo foram avaliados de modo retrospectivo 117 animais doentes renais crônicos, sendo 50 cães e 67 gatos com DRC. Desse total, 81 animais foram classificados de acordo com o estágio da DRC, sendo 39,5% de cães (n = 32) e 60,5% de gatos (n = 49). Desses, 12,4% corresponderam a cães (n = 10) no estágio 1; 4,9% (n = 4) no estágio 2; 8,7% (n = 7) no estágio 3; e 13,6% (n = 11) no estágio 4; enquanto 9,8% (n = 8) dos gatos foram classificados no estágio 1; 22,2% (n = 18) no estágio 2; 16% (n = 13) no estágio 3; e 12,4% (n = 10) no estágio 4.
Unitermos
 cães, gatos, nefropatia, creatinina
 


Artigos de opinião

 
Medicina veterinária de desastres
• O suporte técnico da medicina veterinária de desastres na força-tarefa das enchentes no estado do Espírito Santo
• Aiuká – parceria que deu certo
Medicina veterinária do coletivo
• Manejo do complexo respiratório felino em abrigos
• Enfrentamento de surto de Tunga penetrans em comunidade rural, Campo Magro, PR
• Passear com cães é mais que um exercício
Bem-estar animal
• Fogos de artifício – os danos associados ao espetáculo
Tecnologia da informação
• Como informatizar sua clínica – da escolha do sistema à análise de resultados
Gestão
• Gratidão pelos 25 anos e preparação para a década de 2020
Agenda
• Cursos, palestras, semanas acadêmicas, workshops, congressos, nacionais e internacionais

Informação adicional

Peso 300 g
Dimensões 28 × 21 × 0.5 cm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *