Nova rotina em tempos de distanciamento social exige cuidados extra com cães e gatos

Purina traz sugestões de atividades para ajudar a curtir melhor o tempo juntos e dicas de cuidado com a saúde dos pets

Em tempos de distanciamento social, os pets passam a ter a companhia de seus donos em tempo integral. É uma novidade para os bichinhos, que agora precisam adaptar sua rotina à presença constante dos tutores e, se por um lado é super positiva essa convivência e atenção extra, ao mesmo tempo pode trazer alguns estranhamentos para eles e exigir um período de adaptação para todos. Algumas dúvidas sobre os cuidados necessários com os bichinhos em tempos de Covid-19 também são comuns.
“Não são somente os humanos que sentem essa mudança no nosso dia a dia. Os pets também estão vivendo este cenário e precisam se adaptar a uma nova realidade e rotina dentro de casa”, explica a Médica Veterinária da Purina Dra. Luciana Pellegrino. “É preciso estar atento para possíveis mudanças comportamentais neste período de hiper convivência, além de tomar alguns cuidados extras com a higiene, principalmente após passeios, mas esse momento também pode ser muito positivo para os dois lados. Nós acreditamos muito nisso e por isso estimulamos o movimento #MelhorJuntos”.
Pensando nas dúvidas que os donos de pets podem ter nesse período e também em como aproveitar a situação da melhor forma possível, Purina elaborou algumas dicas de cuidados e de atividades para fazer com eles dentro de casa.
ROTINA
É essencial tentar manter uma rotina regrada em casa com horários certos para as refeições, atividades recreativas e sono, por exemplo. “Apesar de estarmos sempre perto deles, não é aconselhável manter os pets no colo 100% do tempo ou fazendo carinho a todo o momento. Isso pode acostumá-los mal e, quando voltarmos a rotina fora de casa, isso será sentido de forma muito brusca e pode causar ansiedade” exemplifica a MV Dra. Luciana Pellegrino.
Reserve um espaço com brinquedos e os pertences que ele precisa (como água, comida, caminha e tapete higiênico) para que o pet fique por ali sozinho durante algum tempo e vá aumentando o tempo gradativamente. Fazer o rodizio entre os brinquedos também ajuda a manter ele entretido por mais tempo. “É importante ele entender que existe uma rotina de trabalho e afazeres pessoais que não os envolvem e isso precisa ficar claro”, complementa.
ATIVIDADES
Passeios mais curtos e a diminuição na frequência nas atividades ao ar livre podem deixar os cachorros mais ansiosos e com mais energia acumulada. Para isso, existem diversas maneiras de queimar essa energia dentro de casa.
Ensine truques | Chegou a hora de ensinar aqueles truques clássicos para o seu cachorro: sentar, rolar, deitar e dar a pata. Além de divertir, estes movimentos melhoram as habilidades cognitivas. Há diversos vídeos na Internet que podem ajudar dando dicas de como ensinar os truques. Petiscos como incentivo e recompensa positiva funcionam também.
Brinquedos | A boa e velha bolinha ou uma corda/pedaço de pano para brincar sempre funcionam e ajudam a queimar a energia acumulada. Brinquedos interativos e aqueles “recheáveis” para colocar petiscos que também estimulem os pets são uma boa pedida.
Fotos e vídeos divertidos | Já pensou em incluir seus pets nos seus vídeos de Tik Tok, por exemplo? E postar aquela foto engraçada no seu feed do Instagram? Aproveite as redes sociais para também ter um momento de lazer com eles.
HIGIENE
É imprescindível manter a casa sempre higienizada para a saúde de ambos (donos e pets).
Caso tenha passeado com seu cachorro em ambientes externos – qualquer lugar fora da sua casa – é importante higienizar as patas com água corrente e um shampoo para pet ou com sabonete de glicerina neutro antes de deixar ele solto dentro de casa. Caso seja um cachorro de pequeno porte, você pode pegar ele no colo e realizar a limpeza com uma bacia de água morna no tanque ou chuveiro, por exemplo. O mesmo vale para os gatos caso eles resolvam dar um passeio em ambientes externos.
SAÚDE MENTAL
Estar atento à saúde mental dos bichinhos é muito importante neste momento de mudanças. Alguns sinais podem ajudar a identificar se os pets estão com ansiedade, estresse, entre outros sintomas.
“Geralmente você observará mudanças no comportamento dele, ou seja, ele começa a fazer coisas que não eram comuns antes como latir mais ou em horários que não o fazia, pode ter um comportamento destrutivo e começar a morder ou rasgar as coisas, rosnar, uivar, estranhar as pessoas conhecidas e até se tornar agressivo. Se seu pet está mudando o comportamento dessa maneira o ideal é que você tente manter a rotina e estabeleça horários regulares diariamente para a alimentação, brincadeira, carinhos, e, caso esses comportamentos continuem ou se o seu pet se tornar muito agressivo procure seu médico veterinário para que ele possa avaliar se está tudo bem com a saúde ou se é necessária alguma intervenção para manter sua saúde dele “.
Se for ansiedade e estresse por causa da nova rotina você pode tentar algumas técnicas simples que podem ajudar a acalmar os ânimos deles.
Carinhos em forma de massagem | Assim como nós, os pets também relaxam com uma boa massagem. Coloque seu gato ou cachorro em uma superfície confortável (como um almofadão, travesseiro ou a sua própria caminha) e comece pela área na qual ele mais gosta de receber carinho. Sempre com movimentos gentis, vá aos poucos indo para outras partes do corpo. Fique atento a qualquer sinal de desaprovação do animal ao explorar uma nova área e não insista ele não gostar. Com apenas alguns minutos, seu pet irá ficar mais relaxado.
Música | Além de melhorar o humor, a música ajuda a diminuir o estresse e ansiedade dos bichinhos. O ideal é que a altura seja de som ambiente e as músicas sejam calmas. As plataformas de streaming já têm conteúdo preparado especialmente para os pets com playlists temáticas caso você esteja na dúvida do que colocar para tocar.
TV | Um pouco de televisão também ajuda – já existem canais dedicados exclusivamente aos companheiros de quatro patas com imagens e sons gravados especialmente para eles. Mas nada de deixá-los muito tempo em frente à tela – isso também pode prejudicar os bichinhos.
“O mais importante neste período é manter uma rotina saudável e sempre prestar atenção no seu pet. Assim como nós, eles também estão se adaptando a uma nova realidade e esse período de adaptação pode trazer algumas dificuldades. E para interagir com seu pet lembrem-se de sempre seguir as recomendações do Ministério da Saúde e organizações veterinárias e lavar sempre as mãos antes e depois de brincar com ele ou manipula-lo e procurar seu veterinário de confiança no caso de alguma dúvida ou emergência” finaliza a MV Dra. Luciana Pellegrino.
Sobre a Nestlé PURINA®
Fundada em 1894 nos Estados Unidos, a Nestlé PURINA® está presente em 75 países e mantém uma posição de destaque na produção de alimentos com alto valor nutritivo para cães e gatos. Com extensas pesquisas realizadas há mais de 85 anos, a companhia desenvolve com exclusividade estudos como o Life Plan, que acompanhou cães por mais de 14 anos com o objetivo de entender a influência da nutrição e da condição física na saúde dos cães durante toda a sua vida. A Nestlé PURINA® tem como principal plataforma manter a saúde física e o bem-estar dos cães e gatos com fórmulas adequadas à condição corporal, idade e estilo de vida, garantindo uma vida mais longa e saudável aos animais. No Brasil, segundo colocado no ranking mundial de população de cães e gatos, a PURINA® oferece uma linha diversificada, com 7 marcas de produtos para cães e 5 marcas de produtos para gatos. A empresa conta com uma fábrica em Ribeirão Preto (SP) e sua distribuição tem atuação em todo o território nacional.
Sobre a Nestlé
É a maior empresa de alimentos e bebidas do mundo. Está presente em 190 países e seus 308 mil colaboradores estão comprometidos com o propósito da Nestlé de melhorar a qualidade de vida e contribuir para um futuro mais saudável. A Nestlé oferece um amplo portfólio de produtos e serviços para cada etapa de vida das pessoas e de seus animais de estimação. Suas mais de 2000 marcas variam dos ícones globais, como Nescafé ou Nespresso aos favoritos locais como Ninho. O desempenho da empresa é impulsionado por sua estratégia de Nutrição, Saúde e Bem-Estar. Sua Sede fica na cidade suíça de Vevey, onde foi fundada há mais de 150 anos. No Brasil, instalou a primeira fábrica em 1921, na cidade paulista de Araras, para a produção do leite condensado Milkmaid, que mais tarde seria conhecido como Leite Moça. A empresa tem unidades industriais localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Emprega 32 mil colaboradores diretos e gera outros 200 mil empregos indiretos. A Nestlé Brasil está presente em 99% dos lares brasileiros, segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *